Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Trabalhadores informais e de baixa renda receberão auxílio de R$ 200 ao longo de três meses

Anúncio feito pelo Ministério da Economia visa amenizar os impactos da desaceleração da economia com o avanço do Coronavírus

Publicação:

-
-

O Ministério da Economia anunciou que trabalhadores informais e de baixa renda serão contemplados com R$ 200 mensais, durante três meses, na tentativa de amenizar os impactos da desaceleração da economia com o avanço do Coronavírus.

O auxílio emergencial, que representa R$ 15 milhões, busca atender necessidades essenciais e não poderá ser acumulado com outros benefícios sociais, como o Bolsa Família, o BPC, aposentadoria, pensão ou seguro-desemprego. Outras medidas já foram anunciadas, como o reforço ao programa Bolsa Família, com a inclusão de 1,2 milhão de pessoas. O impacto das ações na área social será de até R$ 3,1 bilhões.

Conforme o Departamento de Assistência Social (DAS), o benefício temporário será via Cadastro Único. No Rio Grande do Sul, estratégias estão sendo tratadas para viabilizar e selecionar os beneficiários. A orientação é de não gerar filas em postos de cadastramento que já estão atendendo de forma reduzida e com agendamento.

Bolsa Família

É um programa de transferência de renda que atua em três eixos: complemento de renda, acesso a direitos – como educação, saúde e assistência social – e articulação com outras ações para garantir o desenvolvimento das famílias beneficiárias.

O programa atende às famílias que vivem em situação de extrema pobreza, com renda per capita de até R$ 89 mensais, e pobreza, com renda entre R$ 89,01 e R$ 178 mensais.

Como participar

Para fazer parte do Bolsa Família, o responsável pela família deve procurar um Centro de Referência de Assistência Social (Cras) ou um posto de atendimento do Bolsa Família no município. É necessário levar documentos de identificação pessoal, como RG, carteira de identidade ou carteira de motorista e certidão de nascimento de todas as pessoas que vivem na residência. Para outras informações, acesse o portal do Ministério da Cidadania (www.cidadania.gov.br).

 

STAS - Secretaria do Trabalho e Assistência Social